GUIDED BY VOICES: QUEM CONSEGUE PARAR ROBERT POLLARD?


Robert Pollard tem 62 anos. Esse sujeito compôs tanto em sua vida que admite em entrevistas que possui dificuldades para lembrar-se de certas músicas que os fãs lhe pedem. Em 2017, o duplo “August by Cake” tornou-se o centésimo álbum de estúdio com participação do cara – e dali a contagem prossegue, sempre em frenesi numérico. Coisa de maluco… E, já que insanidade pouca é bobagem, o vovô, para não perder o hábito, está pra marcar presença em mais um disco! O Guided by Voices havia lançado material em fevereiro desse ano (“Surrender Your Poppy Field”, álbum com 15 temas), e em 21 de agosto próximo teremos “Mirrored Aztec”, seu sucessor. Duas músicas da nova empreitada estão disponíveis na web: “Haircut Sphinx” foi a primeira a ser liberada; dois dias depois o GBV nos trouxe “To Keep an Area”. A capa psicodélica entrega o generoso espírito sessentista contido em ambas (o Guided sempre teve os pés fincados no período, especialmente na segunda fase dos Beatles), mas o toque de Midas de Robert Pollard está mais uma vez presente, pessoal e intransferível.

Para adquirir o vinil “Mirrored Aztec”  na pré-venda, clique aqui.

Pode-se pensar que Bob, ativo dessa maneira, é um desses tiozinhos que teimam em desrespeitar isolamento social/quarentena, feito muitos dos que nos rodeiam. Mas não! Um dos projetos atuais desse inquieto senhor é justamente a “World Tour 2020”, shows transmitidos através da plataforma NoonChorus, com captação profissional, imprescindível distanciamento, set list caudaloso e garantia de que nada estará desplugado. A diferença é que existe cobrança de ingressos: o último, dia 17 de julho, saiu a 25 dólares – dinheiro em seguida destinado ao local escolhido para a apresentação filmada, já que as casas de shows foram sumariamente prejudicadas devido às restrições para contenção da pandemia e precisam de recursos para sua sobrevivência. Outra ideia relativa ao grupo também custa uma graninha: é o “Hot Freaks”, serviço que, ao custo de 100 dólares anuais, envia semanalmente para seu e-mail conteúdo exclusivo, como raridades, demos, gravações nunca lançadas, músicas ao vivo, fotos, vídeos e, claro, novas composições. Quem participa desse autêntico clube de assinatura do Guided by Voices precisa garantir de antemão que não vazará nada do material recebido.

Pra tornar tudo ainda melhor, reedições em vinil – habitat mais do que natural para o cantor: todos os 100 álbuns com participação de Pollard foram lançados em LP, segundo o livro que os catalogou. Temos, primeiramente, uma das maiores preciosidades com sua participação: o histórico “Alien Lanes”, de 95, primeiro disco do GBV na Matador Records e um marco indiscutível do indie rock norte-americano. Nessa fase inicial, a banda contava com o guitarrista Tobin Sprout, compositor menos prolífico que Pollard, mas tão genial quanto (as lindas “A Good Flying Bird” e “Little Whirl” contam ainda com seus vocais). Obras-primas da canção, como “Game of Pricks”, “A Salty Salute”, “Closer You Are”, “Motor Away” e “Striped White Jets”, estão aqui.

Para adquirir a pré-venda da edição especial de 25 anos do álbum “Alien Lanes” em vinil colorido, clique aqui ou aqui, via Amazon Brasil.

Vampire on Titus” é de 1993, e não via reedição desde 98 – sua gravação mais simples fez alguns fãs devolverem o álbum às lojas, crentes que sua cópia tinha algum defeito… Vemos um Guided incipiente, reduzido a um trio (Sprout, Pollard e o irmão deste, Jimmy), mas já com claros sinais de brilhantismo – “Dusted”, “Sot”, “Jar of Cardinals” e “Gleemer (The Deeds of Fertile Jim)” apontam caminhos que seriam lapidados depois, mas que agora encontram a oportunidade certa para serem redescobertas como algo especial.

Para garantir uma cópia do vinil “Vampire on Titus” em pré-venda (já esgotada através da loja Midheaven) clique aqui via Rouhtrade.

(Obs: já havia finalizado esta nota quando recebi, via Rolling Stone, uma notícia estarrecedora: sim, o Guided by Voices completou trabalhos em um terceiro disco ainda para 2020! Styles We Paid For está previsto para novembro – e traz uma resposta, talvez óbvia, ao titulo dessa postagem: ninguém!)

Confira abaixo “Haircut Sphinx” e “To Keep an Area”, novos singles do Guided by Voices:

Deixe uma resposta